• Av. Historiador Rubens de Mendonça, 4193, Centro Político.
  • (65) 3644-3666

Diretores do Cipem discutem prorrogação de instrumento que define a pauta da madeira


Os diretores do Centro das Indústrias Produtoras e Exportadoras de Madeira de Mato Grosso (Cipem) realizaram, nesta quinta-feira (28), mais uma reunião para discutir e encaminhar pautas do setor florestal.

Um dos principais assuntos foi a definição dos preços mínimos para os produtos oriundos da indústria florestal e extrativa vegetal, a chamada “pauta da madeira”. A Secretaria de Estado de Fazenda (Sefaz-MT), através da Portaria Nº 052/2018, aumentou os preços e alterou a composição da mesma, em maio deste ano. Depois da reação do setor, os efeitos foram suspensos até o dia 30 de junho para que fossem analisadas as recomendações do Cipem. Durante a reunião da diretoria nesta semana, foi informado que a Sefaz-MT deverá prorrogar o prazo de suspenção, permanecendo válidos os preços até então vigentes (Portaria 012/2015). O órgão ainda está analisando os apontamentos feitos pelo setor de base florestal.

Outra prorrogação de prazo importante para o setor é do Decreto 1.262/2017, referente ao Cadastro de Exportação, que estabelece uma série de exigências e obrigações para as empresas comerciais exportadoras. O novo prazo para o atendimento dos requisitos, informado, é até o dia 20 de julho de 2018, porém ainda falta a publicação do documento oficializando a data.

Durante a reunião da diretoria também foram discutidos os desdobramentos resultantes da alteração da Nomenclatura Comum do MERCOSUL (NCM) relativos a produtos da madeira, cuja unidade de medida passou a considerar quilos ao invés de metros cúbicos. O sistema, controlado pela Receita Federal, passou por alterações e complicou o processamento de algumas operações. Foi necessária uma atuação conjunta do Cipem e Fórum Nacional das Atividades de Base Florestal (FNBF) com a Sefaz-MT e a Receita Federal na expectativa de solucionar esse impasse o mais breve possível. Enquanto isso não ocorre, muitas empresas estão amargando prejuízos por não conseguirem exportar os produtos.

No mesmo contexto, a atuação do FNBF foi ressaltada como fundamental para encaminhar as pautas do setor em Brasília e as atividades devem se intensificar no segundo semestre.

Um assunto que sempre está em pauta nas reuniões da diretoria do Cipem, é o Sistema de Comercialização e Transporte de Produtos Florestais (Sisflora), sob responsabilidade da Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema-MT) e a integração com o Sistema Nacional de Controle da Origem dos Produtos Florestais, controlado pelo Instituto do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama). O prazo para que os dois sistemas estejam integrados termina no final deste mês e ainda existe uma dúvida dos empresários do setor quanto a essa efetivação, que ainda não aconteceu. Sem isso, pode haver o bloqueio de partes operacionais importantes, como por exemplo, a entrada de novos projetos de manejo florestal.

Por fim, foi feito um reforço geral no convite para a participação na Florestal Tech, que será realizada de 10 a 13 de julho, em São Paulo, durante a ForMóbile. Além da exposição de produtos, a feira realizada pelo Cipem com a participação dos sindicatos associados, oferecerá palestras com arquitetos sobre os usos diversos da madeira nativa nos projetos e construções. Mais informações e inscrições estão disponíveis no site do evento: www.florestaltech.com.br

Confira a galeria de fotos aqui


Ultimas Notícias Relacionadas

  • Período de seca põe em alerta proprietários de áreas de manejo florestal

    Daniela Torezzan - Assessoria de Comunicação CIPEM | 20 de julho de 2018

    Leia Agora
  • Feira em São Paulo expande o mercado da madeira nativa de Mato Grosso

    Daniela Torezzan - Assessoria de Comunicação Cipem | 14 de julho de 2018

    Leia Agora
  • Arquitetos falam sobre uso da madeira nativa durante evento internacional

    Daniela Torezzan - Assessoria de Comunicação CIPEM | 5 de julho de 2018

    Leia Agora
  • Aniversário de 14 anos do Cipem!

    Daniela Torezzan - Assessoria de Comunicação CIPEM | 2 de julho de 2018

    Leia Agora
  • Diretores do Cipem discutem prorrogação de instrumento que define a pauta da madeira

    Daniela Torezzan - Assessoria de Comunicação CIPEM | 29 de junho de 2018

    Leia Agora
  • Setor florestal e órgãos ambientais encaminham melhorias para a gestão em Mato Grosso

    Daniela Torezzan - Assessoria de Comunicação CIPEM | 22 de junho de 2018

    Leia Agora